[Fechar]



[Fechar]



[Fechar]



[Fechar]



[Fechar]

O feminismo é bom para os homens?



Leandro Andrade é finalista do Prêmio CLAUDIA na categoria Eles por Elas (Pablo Saborido/CLAUDIA)

O feminismo é vantajoso para os homens também? Acreditamos que sim e pedimos aos finalistas da categoria Eles por Elas para compartilhar seus motivos.


O feminismo surgiu entre as mulheres e luta principalmente por igualdade de direitos entre nós e os homens. No entanto, muita gente esquece que, se conquistadas as demandas do movimento, todos ganham: mulheres, homens, toda a sociedade.

Este ano, pela primeira vez, o Prêmio CLAUDIA conta também com uma categoria dedicada a eles. A novidade teve origem na ideia de que a transformação social que a mulher e o feminismo defendem só ocorrerá de fato se todos estiverem envolvidos.

Pedimos aos três finalistas que nos apontassem alguns motivos pelos quais eles acreditam que o feminismo é bom também para os homens. Publicaremos as respostas aqui em posts semanais.

A seguir, confira os motivos elencados, em forma de verso, por Leandro Andrade, que concorre pela categoria Eles por Elas e é fundador de um dos primeiros grupos do Brasil de atendimento a autores de violência contra a mulher.

“No dia-a- dia, convivendo e refletindo as propostas feministas, aos poucos,

meio sem jeito, ora sim, ora não, eu (e outros homens) aprendo que

posso ir mais além, conjugar outros verbos:

Que junto com o fazer, tem o cuidar

Que dialogar é melhor que falar

Que não preciso competir, posso pedir

Que compor é mais forte que impor

Que na dúvida não sou obrigado a decidir, posso perguntar

Que conviver é mais que viver

Que não preciso envelhecer, posso amadurecer

Que sobre ser homem não há nada a perder, só o que aprender

E o mais importante, entender que sou mais do que homem, sou gente.”


Fonte: Revista Claudia

Outubro/2017

 

Retornar Notícias

 
Design by Immaginare